domingo, 28 de dezembro de 2008

Feliz Ano Novo

Passando rapidamente, so pra desejar a todos que sempre passam por aqui um Feliz Ano Novo com muitas energias positivas, paz, amor e saude!!!!

PS: Fui a Venice Beach hoje... Que lugar e aquele meu povo?!!!
Muito fodastico!!! Amei! Quase fico la hahaha.
Beijos

sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

Por que as mulheres enlouquecem os homens!!!

Gente essa e muito boa... Tenho q concordar

Mulher - Onde você vai?
Homem - Vou sair um pouco.
Mulher - Vai de carro?
Homem - Sim.
Mulher - Tem gasolina?
Homem - Sim…. coloquei.
Mulher - Vai demorar?
Homem - Não… coisa de uma hora.
Mulher - Vai a algum lugar específico?
Homem - Não… só rodar por aí.
Mulher - Não prefere ir a pé?
Homem - Não… vou de carro.
Mulher - Traz um sorvete pra mim!
Homem - Trago… que sabor?
Mulher - Manga.
Homem - Ok… na volta eu passo e compro.
Mulher - Na volta?
Homem - Sim… senão derrete.
Mulher - Passalá, compra e deixa aqui..
Homem - Não… melhor não! Na volta… é rápido!
Mulher - Ahhhhh!
Homem - Quando eu voltar eu tomo com você!
Mulher - Mas você não gosta de manga!
Homem - Eu compro outro… de outro sabor.
Mulher - Aí fica caro… traz de cupuaçu!
Homem - Eu não gosto também.
Mulher - Traz de chocolate… nós dois gostamos.
Homem - Ok! Beijo… volto logo….
Mulher - Ei!
Homem - O que?
Mulher - Chocolate não… Flocos…
Homem - Não gosto de flocos!
Mulher - Então traz de manga pra mim e o que quiser prá você.
Homem - Foi o que sugeri desde o começo!
Mulher - Você está sendo irônico?
Homem - Não… tô não! Vou indo.
Mulher - Vem aqui me dar um beijo de despedida!
Homem - Querida! Eu volto logo… depois.
Mulher - Depois não… quero agora!
Homem - Tá bom! (Beijo.)
Mulher - Vai com o seu ou com o meu carro?
Homem - Com o meu.
Mulher - Vai com o meu… tem cd player… o seu não!
Homem - Não vou ouvir música… vou espairecer…
Mulher - Tá precisando?
Homem - Não sei… vou ver quando sair!
Mulher - Demora não!
Homem - É rápido… (Abre a porta de casa.)
Mulher - Ei!
Homem - Que foi agora?
Mulher - Nossa!!! Que grosso! Vai embora!
Homem - Calma… estou tentando sair e não consigo!
Mulher - Porque quer ir sozinho? Vai encontrar alguém?
Homem - O que quer dizer?
Mulher - Nada… nada não!
Homem - Vem cá… acha que estou te traindo?
Mulher - Não… claro que não… mas sabe como é?
Homem - Como é o quê?
Mulher - Homens!
Homem - Generalizando ou falando de mim?
Mulher - Generalizando.
Homem - Então não é meu caso… sabe que eu não faria isso!
Mulher - Tá bom… então vai.
Homem - Vou.
Mulher - Ei!
Homem - Que foi, cacete?
Mulher - Leva o celular, estúpido!
Homem - Prá quê? Prá você ficar me ligando?
Mulher - Não… caso aconteça algo, estará com celular.
Homem - Não… pode deixar…
Mulher - Olha… desculpa pela desconfiança… estou com saudade… só isso!
Homem - Ok meu amor… Desculpe-me se fui grosso. Tá.. eu te amo!
Mulher - Eu também! Posso futricar no seu celular?
Homem - Prá quê?
Mulher - Sei lá! Joguinho!
Homem - Você quer meu celular prá jogar?
Mulher - É.
Homem - Tem certeza?
Mulher - Sim.
Homem - Liga o computador… lá tem um monte de joguinhos!
Mulher - Não sei mexer naquela lata velha!
Homem - Lata velha? Comprei pra a gente mês passado!
Mulher - Tá..ok… então leva o celular senão eu vou futricar…
Homem - Pode mexer então… não tem nada lá mesmo…
Mulher - É?
Homem - É.
Mulher - Então onde está?
Homem - O quê?
Mulher - O que deveria estar no celular mas não está…
Homem - Como!?
Mulher - Nada! Esquece!
Homem - Tá nervosa?
Mulher - Não… tô não…
Homem - Então vou!
Mulher - Ei!
Homem - O que ééééééé caralho?
Mulher - Não quero mais sorvete não!
Homem - Ah é?
Mulher - É!
Homem - Então eu também não vou sair mais não!
Mulher - Ah é?
Homem - É.
Mulher - Oba!Vai ficar comigo?
Homem - Não vou não… cansei… vou dormir!
Mulher - Prefere dormir do que ficar comigo?
Homem - Não… vou dormir, só isso!
Mulher - Está nervoso?
Homem - Claro, porra!!!
Mulher - Porque você não vai dar uma volta para espairecer?
Homem - Ah vai tomar no cu…

Fonte: Misto Quente

quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

Querido Diario...

Tenho escutado muito Skank, muito mesmo. Como na epoca em que tinhas todos os cds.
To in love com a musica nova apesar de ser triste. Triste mas com esperanca.
Semana passada foi festinha de despedida do Bruno. Muito boaaa. Demos mt risada. Tinha uma meia duzia de americanos. Um deles era bem chatinho tadinho haha. Os outros bem legais.
Em certo momento comeca tocar funk do creu...
Gente detesto funk, de verdade. Imagina a hora que um deles perguntou o q a musica dizia, a gente fuck, fuck, fuck, fuck... So assim pra dar risada.
Depois traduzimos o refrao de "ela so pensa em beijar, beijar, beijar ....". Essa ate que nao e ruim ne? Vale a traducao.
Dancei bastante. Nao funk claro... ecaaaa.
(Nao me xinga nao Nayana hahahaha. A unica carioca que eu adoro nao pode deixar de gostar de mim hehe)
Dancei Britney, ouvi Beyonce... Foi um sabado mtttttt bom!!!!
Merecido TOTAL, depois de uma sexta foda que nunca vou esquecer!
Sem muito a dizer hoje.

Animadissima com a chegada de minha irma Sabado.... Compras no domingo, depois Natal, e ai dia 26 rumo a Califa uhuuuuuuuuuuuu!!!!!
Nao vejo a hora!!!! Nao conheco uma menina q nao tenha gostado de la!!!!
Ano Novo em Vegassssssssss!!!!!! Mt lindoooo!!!!!

terça-feira, 9 de dezembro de 2008

Eu me divirto!!!!!

Se tem uma coisa que AMO e' a liberdade. E ja que tenho que refinar o assunto, confesso entao meu amor pela liberdade de expressao.
O que seria de nos bloggers se nao fosse ela???
Sinto maior prazer escrevendo aqui. E o que acho mais legal foi minha evolucao desde que o blog comecou. Se antes ele tinha tinha intuito de ser um "update" pra quem quisesse saber a quantas andava minha vida na America, hoje ele virou um espaco em que solto todos meus pensamentos. Continuo falando de mim vez ou outra. As vezes desabafo. E quando faco isso nao escondo nao. Mesmo que tenha que ser direta.
Por isso meu blog e' todo aberto... Entra quem quer, falam o que querem, e apesar de ter tido alguns problemas nao mudo e nao mudarei minha atitude em relacao a isso.
Nao tenho medo de ninguem, e muito menos me preocupo com o que irao pensar. Esse aqui e' meu mundinho. E' o lugar que encontro pra falar sobre minhas alegrias (pra guardar de recordacao no futuro), e' o lugar em que "salvo" todos meus textos rascunhados no meu bloquinho colorido. E' o lugar que faco minhas declaracoes de carinho pra quem merece. Enfim, e' meu mundinho.
As vezes fica meio abandonado porque falta inspiracao ou entao porque bate uma preguica danada de parar tudo que estou fazendo (porque eu na internet faco um milhao de coisas ao mesmo tempo), mas quando venho acaba nesses posts gigantes.
Nao recebo muitos comentarios, mas descobri que recebo muitos visitantes. Visitantes de todos os tipos. As outras meninas que escrevem, e gente que busca no google por algo e cai aqui. Muito legal!
Isso tudo eu descobri por causa do feedjit. Esse e o melhor "contador" de acessos que ja vi. Dedura todo mundo que entra hahaha... E meu blog bombou total depois que fiz o post sobre Alice. O que vem de gente do google pesquisando sobre ela... Devo ate ter ganhado leitores ao acaso.
Ai fui ler o blog da minha querida Cori, (Cori vc me da momentos impagaveis de risada com seus posts) e ela estava falando justamente sobre isso. Como ela tambem racha com o povo que vai la ler. Claro que compartilhei das mesmas gargalhadas. O povo faz cada uma pra vir fucar o que estamos vivendo ou dizendo que so rindo pra nao chorar...
E' ai entao que dou mais risada quando vem gente aqui postando comentarios RE'DICULOS (simmmm tem q escrever assim de tao ridicula que e' a situacao) como anonimo, achando que nao sei quem e' e que passa despercebido... Cara eu tenho quse que um orgasmo de tanto rir.
Sim, porque so rindo de pessoas assim. Por isso fica aqui meu convite a TODOS visitantes. Entrem, leiam, releiam, comentem como anonimo, ovni, ufo, fantasma, com nome, sem nome. Sintam-se a vontade pra falar bem, mal. So nao esperem que eu nao va saber quem e'. Por isso que A-D-O-R-O frases cliches. Portanto vou fechar com uma frase cliche e uma linha da Madonna...
"Falem bem, falem mal, mas falem de mim" e sempreeeee: "Express yourself, don't repress yourself."

"All eyes on me in the center of the ring just like a circus."

XOXO!!!!

PS: Passagens agendadissimas, irma chegando pra fazermos mt party!!! Que mais posso querer? Queridos que me amam e me odeiam, facam festa ou entrem em luto! To chegandoooooo!!!!!!!

quarta-feira, 3 de dezembro de 2008

Pior que...

Pior que gente burra e gente que se acha esperta demais,
Pior que gente inferior e gente que se acha superior,
Pior que ser maioria e gente que se acha a diferente minoria,
Pior que ridicularizar atitudes alheias e ter recalque quando voce tem as mesmas,
Pior que quem erra e aquele que nao admite erros,
Pior que abaixar a cabeca e nao saber abaixa-la quando deve,
Pior que ser cego e nao querer enxergar o que esta diante de si,
Pior que viver num mundo sem cor e achar que vive no mundo cor-de-rosa,
Pior que nao viver e viver pela metade,
Pior que beijar o sapo pra virar principe, e achar que tem o principe quando na verdade nao tem nem o sapo encantado,
Pior que voce me enganar e voce enganar a si proprio,
Pior que voce querer me diminuir e voce na verdade me admirar,
Pior que ir atras da verdade e ficar supondo,
E pra terminar, nada melhor que o velho cliche...

Pior se arrepender do que nao fez ao que fez,
o que nao quer dizer que nao devamos aprender com nossos erros.

segunda-feira, 1 de dezembro de 2008

Trilha sonora

Meu namoro teve/tem muita trilha sonora...
Mas tambem nao e pra menos... 7 anos, um termino necessario no meio do caminho, mas que so nos deu forca e nos mostrou que realmente nascemos pra ficar juntos.
Tem umas que se encaixam aqui e acola mas tem outras que sao extremamente perfeitas. Parece que foram escritas pra nos...
Duas delas estao tocando no playlist novo.
Mais uma vez do Jota Quest, que reflete nosso atual momento e a outra deles "O que eu tambem nao entendo" caiu como luva nos nossos momentos de crise.
Lembro de estarmos nos dois no show deles e ai so de ouvir a primeira nota ja comecei a chorar.
E a letra mais perfeita que existe. Mesmo quem nao gosta de Jota ja deve ter se identificado com alguma musica deles.
Antes de eu vir pra ca, em Julho do ano passado, descobri muito por acaso a banda Plain White T's. Na epoca a famosa musica que estava no top era Hey there Delilah. Nao podia ser mais perfeita... Escutei muito no comeco. Nao so essa como Here without you do 3 Doors Down.
Ai hoje achei outra musica fofissima deles (Plain White T's) que poderia com certeza cantar pro meu amore. Se chama 1,2,3,4. Coloquei ate o video aqui embaixo porque e muito fofinha a letra.
E minha declaracaozinha de amor pra ele e "Interessa" da Roberta Sa.
Acho musica uma coisa muito foda. As vezes nos da uma puta inspiracao num momento dificil, ou transforma nosso mau humor em um sentimento totalmente contrario. Tem gente que acha que arte e so ficar vendo quadros em museus, esculturas sem sentidos.
Acho musica uma puta arte. Ate essas popzinhas que citei.
Poderia ficar aqui fazendo o "Fabio and Andressa's infinite playlist" mas ai ninguem mais vem ler o blog haha.
Desculpa gente, e que agora ta tao pertinho de ficar perto do meu amore de novo que to toda bobinha e apaixonada...
E como eu havia premeditado antes, nos meus antigos posts, nossa casinha ficou no olho do furacao mas ela ja esta interinha de novo e muuuuuuuuuito mais bonita que antes. Agora ate Playstation 3 vai ter. risos.

Fiquem entao com 1,2... 1,2,3,4...

1,2 - 1 2 3 4
give me more lovin then i've ever had.
(Me da mais amor do que eu jamais tive)
make it all better when i'm feelin sad.
(Faz tudo melhor quando estou me sentindo trsite)
tell me that i'm special even when i know i'm not.
(Me diz que sou especial mesmo quando sei que nao sou)
make me feel good when i hurt so bad.
(Me faz sentir bem quando estou muito mal)
barely gettin mad,
(raramente fica bravo)
im so glad i found you.
(Sou tao feliz por ter te encontrado)
i love bein around you.
(amo estar com voce)
you make it easy,
(voce faz ser simples)
as easy as 1 2,(1 2 3 4.)
(tao facil como 1 2 3 4)
theres only one thing two do three words four you.
(so tem uma coisa a ser feita, 3 palavras pra voce)*
i love you.
(te amo)
(i love you)
theres only one way two say those three words
(so ha um jeito de dizer essas 3 plavras)
and that's what i'll do.
(e eh o que vou fazer)
i love you.
(te amo)
(i love you)
give me more lovin from the very start.
(me dando sempre mais amor desde o comecinho)
piece me back together when i fall apart.
(poe meus pedacos de volta quando fico destruida)
tell me things you never even tell your closest friends.
(me diz coisas que nao diz nem mesmo aos amigos mais proximos)
make me feel good when i hurt so bad.
(me faz sentir bem quando estou muito mal)
best that i've had.
(o melhor que ja tive)
im so glad that i found you.
(Sou tao feliz por ter ter te encontrado)
i love bein around you.
(amo estar com voce)
you make it easy as easy as 1 2,(1 2 3 4.)
(voce faz ser tao simples como 1 2 3 4)
theres only one thing two do three words four you.
(so tem uma coisa a ser feita, 3 palavras pra voce)*
i love you.
(te amo)
(i love you)
theres only one way two say those three words
(so ha um jeito de dizer essas 3 plavras)

and that's what i'll do.
(e eh o que vou fazer)
i love you.i love you
(te amo. te amo)
(i love you)



*Rola uns trocadilhos de numero com palavra mas so da certo em ingles :(


Show da Madonna

Bom, poderia simplesmente dizer que foi perfeito...
A veia ainda manda muito bem. Nunca vi tanta producao na minha vida!!!
Presenca de palco 1000%. Depois de ir a um show dela passei a ter total compreensao do sucesso dela por tantos anos.
Me lembro da minha infancia, dancando vogue, like a virgin sem nem saber o que ela cantava hahaha.
Diz ela que essa e a ultima turne. Sera entao o unico show dela que fui na vida... Lembranca perfeita eu terei desses momentos.
Eu olhava pro relogio com medo de que o show estivesse acabando... Tava tao bom, mas tao bom que eu poderia morar no show dela... risos.
E uma festa... As "amigas" (bibas) tudo batendo picuma e pulando. Me empolgava ate com eles, Madonna entao nem se fala...
Enfim, otimoooooo investimento no quesito show!!!!
Pelas fotos voces verao que fiquei longe mas num lugar bacana, mas tem uma foto bem de perto...
Bom pra quem acompanha meu blog sabe que todo show q vou invento moda de chegar mais perto...
Dessa vez nao foi diferente. Tinha que ver a mulher de perto... Dei um baile na seguranca e fui la pertinho!!!
Bom demais!!!!
Fotinhos:



Hard Candy

"I'm not sorry, it's human nature... It's Britney bitch!" Lindaaaaaaaaaaaa

"Beat goes on" feat. Kanye West
"Vogue"


Nao lembro que musica era... muita emocao haha.

quarta-feira, 19 de novembro de 2008

So pra matar a saudade...

Sem tempo para nada nao sei nem porque parei pra postar...
Mas sinto uma falta absurda de escrever aqui... mesmo quando nao tem assunto, como agora por exemplo.
Nesses tempos tive varios brainstorms, instrospeccoes... mas agora nada me vem a mente...
Bom, ha duas semanas comecei meu curso de TESOL (Teaching English as a Second Language) e o bichinho me tem me sugado ate nao poder mais...
Sao apenas 3 finais de semana mas das 9:00 as 18:00, sabado e domingo...
Imagina como nao estou no domingo... PODRE. E ai depois ja e segunda... resumindo it's been really rough.
Sabado agora temos uma prova, e domingo temos que dar uma aula. Ja tenho tudo pronto. Vou ensinar a segunda conditional sentence. Decidi que quero ensinar pra nivel intermediario. Nao sei se me daria bem com beginners. Tem que falar super devagar, gesticular... Nao lembro de quando eu era beginner porque nunca fui. Quando comecei ingles entrei no intemerdiario. Alem de tudo sou muito distraida, posso esquecer de gesticular ou falar devagar e ai vai ficar todo mundo com cara de interrogacao.
Claaaaaaro que minha vontade e intermediate, mas se tiver que dar aula pra beginner nao vou negar. Gosto de ingles mas confesso que esse trabalho seria um backup, tipo pra se eu nao arrumar na minha area (bate na madeira), mas como backup e um trabalho que eu curtiria muito, principalmente se for trabalhar com gente de 15 anos pra cima.
Mas voltando as aulas do curso, na semana passada depois de ensinado a nos todas aquelas metodologias fomos "reaprender" gramatica. So tinha eu, Nayana e Mauricio de nao nativos, o resto tudo american. Fiquei preocupada de pagar mico na hora da gramatica mas cara, fiquei passada. A gente sabe muuuuito mais que eles... E muito engracado. Porem nao acho que isso seja por eles serem burros, e sim por terem aprendido tudo naturalmente, nada de terceira coluna, simple past, present continuous... Falar isso com eles e meio grego hahah. Ai me toquei de que nao lembro mais o nome de varios tempos verbais em portugues, ou entao me confundo. Nao sei regras de acentucao de cabeca... essas coisas. Acho que o estrangeiro absorve sempre muito mais no aprendizado de uma nova lingua do que um nativo aprende sobre sua lingua mae.
Anyway.... esse fim de semana sera o ultimo e espero poder dormir muito nos proximos finais de semana.... Thanksgiving na area, planos de compra na black friday... vamos ver...
Amanha e show da Madonna!!!!!!!!!!!!!!! Cara to super ansiosa e como esperanca e aultima que morre espero Justin fazendo aparicao surpresa em 4 minutes... Rola plano de burlar seguranca pra ver ela mais de perto, ou entao dar uma "tip", digamos assim....
Meu retorno esta cade vez mais proximo! Nao vejo a hora! Invejinha de quem ja volta mes que vem, mas o negocio agora e curtir cada momento que me resta. So tennho coisas boas previstas pra os ultimos meses...
Minha Nina chega aqui dia 20 de Dezembro e fica ate 16 de Janeiro... Sera que nao vamos aproveitar???? A bicha ja chega, pega Natal, dia seguinte ao Natal e aviao de novo com destino e Califa e uma viagem que promete, afinal ano novo em Vegas (sim, sei que Vegas e no Arizona) nao tem como ser ruim nao e mesmo???
Depois que ela foir embora (snif snif) ainda tenho mais um mes aqui, mas ai chega a au pair nova e vou ter uma baita ajuda no ultimo mes... Adorei!!!!!!!!!!!
Depois e so voltar pra minha familia e ja ir passear, voltar pros bracos do meu amore (eba amor sobrevivemos 18 meses) e comecar nossos wedding plans!!! To super animada!!!!
Agora so falta emagrecer porque ta fo**!!!! Caraca, mais um pouco e saio rolando!! hehe.
Minha irma e bem honesta entao e melhor ja perder uns 2 kg antes dela chegar kkk.
Bom, proximo post com as emocoes do show da Madge [Madonna para os nao intimos :)] .

Ah, so pra futuras recordacoes: ta frio pra cacete e ainda e outono... brrrrrrrrrrrrrrrr; I know what you did last couple days hahaha. I'm looooooovin' it! (embora eu tenha descoberto que isso e completely wrong).

quinta-feira, 6 de novembro de 2008

Sobre Alice e Sao Paulo

Se tem uma coisa que chamou minha atencao e me conquistou foi a serie Alice, produzida pela HBO Brasil. Como estou aqui e totalmente por fora desse circuito, quem me falou dela na verdade foi uma amiga, a Re.
Assisti o primeiro episodio online. A Sky disponibilizou (clique aqui para assistir), e ai pronto. Foi amor a primeira vista. Me identifiquei com a serie por varios motivos. Um deles e o cenario. Sampa. Nao podia ser melhor. E uma cidade cinematografica, urbano perfeito! E um jeito de matar saudades dos lugares em que ha mais de um ano eu percorria praticamente todos os dias.
Outra coisa e a personagem de mesmo nome da serie. Acho que a Alice tem muito do que um monte de gente quer ser. Ela e guerreira, corajosa, independente. Poe a cara no mundo e espera pra ver no que vai dar. Faz loucuras que MUITA gente tem vontade mas nao tem coragem. Se alguem ler esse post e assistir a serie pode ate me criticar, mas quem nunca teve vontade de fazer pelo menos uma das loucuras dela? Se ficaram curiosos terao que assistir, hehe.
Depois vem a trilha sonora. Excelente. O triste e que eles nao colocam os nomes das musicas nos creditos e e um inferno pra acha-las na internet depois. Pelo visto tem bastante musica da banda Instituto (para saber algo clique aqui). Mas tem muito mais musicas.
Eu me viciei e carreguei outros pro meu vicio, leia-se Nina e Dea haha. Todo Domingo a serie e exibida no Brasil, mas eu tenho que esperar ate Segunda ou Terca pro Luiz la da comu upar e eu poder baixar. (Alias essa semana ele sumiu e nos dependentes ficamos desperados, vide meu post anterior. Mas ai a Simone passou pra Avi e finalmente consegui assistir ontem!!!)
A unica pessoa para quem mostrei a serie e tive feedback negativo foi meu namorido, mas ele e muito chato pra essas coisas haha. Segundo ele, so e interessante quando a Alice tira a roupa kkk. De fato Andreia Horta tem um corpo fenomenal. Mas nao e so corpo nao. Ela esta interpretando Alice muito bem. Parece que a Alice e de verdade e que voce pode cruzar com ela a qualquer momento. E engracado. Ela teve que fazer umas cenas BEM pesadas. Deve ter sido bem dificil se expor daquele jeito. Aparentemente a atriz inclusive tinha um namorado que nao aguentou o baque e a largou. :(
Estava assistindo sobre a busca de atores e eles demoraram quase um ano e meio pra achar quem faria a personagem central.
A Serie tem alguns atores fracos, mas sei la, acho que a atuacao dela acaba me fazendo ignorar as atuacoes mais fracas. Tem tambem muitas cenas polemicas de uso de drogas, sexo sem pudor. Mostra um mundo meio louco de Sao Paulo (ou de qualquer cidade que oferece tudo de maneira facil), mas ao mesmo tempo a realidade.
Nao vim de cidade pequena. Santos nao e um fim de mundo. Temos um transporte publico razoavel e tudo que uma cidade grande precisa, mas quando comecei a trabalhar em Sao Paulo meus olhos e mente se arregalaram como os da personagem.
Me lembro de como detestava Sampa. Achava que era poluida, so tinha gente ignorante e estressada. Achava um absurdo ir morar la. Ate que a cidade te toma de uma maneira que nao tem mais volta. Me lembro de quando eu trabalhava na Paulista. Podia sair do banco depois de um dia cheio, de atender um monte de cliente chato, mas ai quando eu me trocava, poderia ficar viajando olhando o movimento, as pessoas de todos os tipos. Ai a gente vai descobrindo os lugares como o bar Opcao ao lado do Masp. Que lugar gostoso cara. Sentar ali com amigos depois de um dia cheio e tao bom.
Gostava de passar em frente ao parque Trianon e sempre olhar aquela arvore que deve ter uns mil anos e ja tem ate coisa do lado de fora pra sustentar. Adorava olhar as tralhas no Stand Center e no fim sempre pensar comigo mesma que na Galeria Paje era mais barato. Ficava feliz quando encontrava a tiazinha que vende os doces mais gostosos. Que saudade do bicho-de-pe (hummm).
As vezes queria ter um dia de Alice. Fazer tudo que me desse na telha e nao me preocupar com o amanha, com o que vai vir depois. Nao pensar em nada e so viver o momento.
Acho que pelo menos no desbravar de um novo mundo fui uma Alice. Vim pra ca sem saber o que o futuro iria me reservar. Com a cara e a coragem. Apostando na sorte de viver um ano que me trouxesse novos conhecimentos, me levasse a novos lugares, me apresentasse a novas pessoas e a um novo estilo de vida.
Fiz um pouquinho de cada e agora conto os dias pra me perder nas ruas de Sao Paulo novamente. Encarar o metro lotado em horario de pico, sentar no Opcao e tomar minha caipirinha de saque e deixar ser levada pelas luzes da Avenida que eu mais amo, a Avenida Paulista...

***************************** Alguns videos de Alice************************************
Trailer


City Lights by Instituto (so achei assim com os creditos)


Wonderland by Instituto (tema de abertura)


Sem Mentira by Fabio Goes


Just Like We Break Down (DFA Remix) by Hot Chip


terça-feira, 4 de novembro de 2008

Parte da Historia

Chega de ficar meio. E hora de respirar fundo e voltar a ser inteira.
Parece que a bonanca esta pra chegar e ficar meio feliz nao e comigo. Agora so quero boas energias!

Hoje, dia de eleicao aqui na terra azul e vermelha pelo menos 90% da populacao tem seus televisores, micros ou meios de informacao sintonizados em canais de noticias.
Barack Obama ganhou!!!! Finalmente a tal mudanca esta pra acontecer. Se ele cumprir suas promessas em 16 meses a guerra tera fim. Essa guerra tao estupida e hipocrita.
Estou fazendo parte de um momento historico. O primeiro afro-americano no comando do pais mais importante do mundo. Vi uma crise desenrolar, bancos quebrarem.
Mas mais que ver ele, negro ganhando, me contenta ver que no fim das contas, nesse exato momento em Chicago (onde ele fara seu discurso) ha um mar de brancos.
Finalmente foi entendido que nao importa a cor, e sim as propostas.
Obama tem suas falhas, mas quem nao tem? Tenho simpatia por ele apesar de discordar em alguns pontos e se tivesse que escolher ele seria meu candidato.
Como disse a reporter da CNN e incrivel pensar que o mesmo povo que ha 8 anos elegeu Bush hoje elege Obama. Realmente e um pais flexivel!
E tao doido fazer parte desse momento!
Alem das eleicoes vi o Phillies ser campeao mundial de baseball. Apos 25 anos!!! E eu por viver aqui acabei o escolhendo como time. Quer coisa mais doida??? Foi maior emocao ver eles ganhando. Foi que nem quando o meu Santos querido ganhou do Corinthians no brasileirao. Foi como ver o Corinthians ir pra segundona. Muito tesao isso haha.
Estou presenciando varios fatos interessantes e tao de perto.

Muitos acreditam que Obama sera assassinado, mas nao acredito nisso. Que o manto de Nossa Senhora o proteja sempre. Nao por ser ele, mas simplesmente pelo fato de que nao quero ver ate que ponto a estupidez humana possa chegar. Matar por preconceito???
Seria o maior absurdo do mundo. Ja vemos isso indiretamente. Nao precisamos que manche a Historia mundial.
O McCain acabou de fazer seu discurso de derrota. Sem ler, sem decoreba. Foi muito educado, correto, nao permitiu que vaiassem Obama. Isso e respeito.
Morri de verginha quando vaiaram o Lula no Pan. Nao porque gosto dele, mas pela falta de respeito aquele que representa nosso pais e que naquele momento foi exposto de maneira tao absurda para o resto do mundo. Cade o respeito???

Nossa esse post ta todo baguncado, vai da politica pro baseball, pra politica de novo. Brainstorm de ideias, risos.

PS: Alguem sabe onde posso baixar o episodio 7 de Alice sem ser por torrent??? Nao posso ficar semmmmmm!

Auto-PS: Sempre desconfiei, e hoje confirmei. Nao tem jeito, o ser humano e um bicho danado que so. So me pergunto o motivo???? Serao os mesmos que os meus???? No minimo engracado e pra ser analisado pela psicologia!!!!



domingo, 2 de novembro de 2008

Meio

Estou meio confusa, meio preocupada, meio de saco cheio, meio indisposta, meio com preguica, meio com saudade daqui e de la, meio em duvida (acho que aqui e bem em duvida na verdade), meio carente, meio feliz, meio encanada, meio afobada, meio estressada, meio fantasiosa, meio esperancosa, meio chateada com algumas atitudes, meio espantada com outras.
Estou meio assim. Isso e ruim. Desteto estar meio. Gosto de estar inteira.
Mas fazer o que?
Fases da vida.

PS: E que dessa vez, os americanos sejam ao menos MEIO inteligentes e votem no Obama. Apesar de os dois serem bem meio ruins.

PS2: E no embalo das eleicoes americanas, uma imagem vale mais que mil palavras!

quarta-feira, 22 de outubro de 2008

Imagina assim

Imagina assim,
Voce e eu em uma tarde de sol
com uma brisa fresca nos envolvendo
deitados numa rede sem se preocupar
se o tempo vai parar ou acelerar
Imagina assim,
Voce e eu numa cama bem gostosa
com os lencois desfeitos
em um domingo de manha lendo jornal
Eu nas fofocas voce na secao de motos
Imagina assim,
Voce e eu
descendo a serra
com um belo sol
a praia louca pra nos receber
e nos dois descalcos andando pela beira de maos dadas
Imagina assim,
voce e eu
trabalhando com o que gostamos
contando os dias pras nossas ferias
e visitando os lugares que sempre tivemos vontade...
Imagina assim,
Voce e eu
na nossa casa, no nosso mundo
eu fazendo uma super janta
e voce depois lavando a louca (rs)
Imagina assim,
Voce e eu
pra sempre juntinhos
e nunca mais essa distancia.
Nao vejo a hora.

Te amo muito meu menino bonito!
Caramba amor, nao e que meu poeminha ficou bonitinho que nem voce?

quarta-feira, 15 de outubro de 2008

Recebi por E-mail e adorei!

Depois de um bom tempo dizendo que eu era a mulher da vida dele, um belo
dia eu recebo um e-mail dizendo: 'olha, não dá mais'. Ta certo que a
gente tava quase se matando e que o namoro já tinha acabado mesmo, mas
não se termina nenhuma história de amor (e eu ainda o amava muito) com
um e-mail, não é mesmo? Liguei pra tentar conversar e terminar tudo
decentemente e ele respondeu: mas agora eu to comendo um lanche com
amigos'. Enfim, fiquei pra morrer algumas semanas até que decidi que
precisava ser uma mulher melhor para ele. Quem sabe eu ficando mais
bonita, mais equilibrada ou mais inteligente, ele não volta pra mim? Foi
assim que me matriculei simultaneamente numa academia de ginástica, num
centro budista e em um curso de cinema. Nos meses que se seguiram eu me
tornei dos seres mais malhados, calmos, espiritualizados e cinéfilos do
planeta. E sabe o que aconteceu? Nada, absolutamente nada, ele continuou
não lembrando que eu existia. Aí
achei que isso não podia ficar assim, de jeito nenhum, eu precisava ser
ainda melhor pra ele, sim, ele tinha que voltar pra mim de qualquer
jeito! Pra isso, larguei de vez a propaganda, que eu não suportava mais,
e resolvi me empenhar na carreira de escritora, participei de vários
livros,terminei meu próprio livro, ganhei novas colunas em revistas,
quintupliquei o número de leitores do meu site e nada aconteceu. Mas eu
sou taurina com ascendente em áries, lua em gêmeos, filha única! Eu
não desisto fácil assim de um amor, e então resolvi tinha que ser uma
super ultra mulher para ele, só assim ele voltaria pra mim. Foi então
que passei 35 dias na Europa, exclusivamente em minha companhia,
conhecendo lugares geniais, controlando meu pânico em estar sozinha e
longe de casa, me tornando mais culta e vivida. Voltei de viagem e
tchân, tchân, tchân, tchân: nem sinal de vida. Comecei um
documentário com um grande amigo, aprendi a fazer
strip, cortei meu cabelo 145 vezes, aumentei a terapia, li mais uns 30
livros, ajudei os pobres, rezei pra Santo Antonio umas 1.000 vezes,
torrei no sol, fiz milhares de cursos de roteiro, astrologia e história,
aprendi a nadar, me apaixonei por praia, comprei todas as roupas mais
lindas de Paris. Como última cartada para ser a melhor mulher do
planeta, eu resolvi ir morar sozinha. Aluguei um apartamento charmoso,
decorei tudo brilhantemente, chamei amigos para a inauguração, servi
bom vinho e comidinhas feitas, claro, por mim, que também finalmente
aprendi a cozinhar.

Resultado disso tudo: silêncio absoluto. O tempo passou, eu continuei
acordando e indo dormir todos os dias querendo ser mais feliz para ele,
mais bonita para ele, mais mulher para ele.
Até que algo sensacional aconteceu. Um belo dia eu acordei tão bonita,
tão feliz, tão realizada, tão mulher, que eu acabei me tornando mulher
DEMAIS para ele. Ele quem mesmo???
(Martha Medeiros)

PS: Isso mesmo gente. Nada de tentarmos ser melhores para impressionar o sexo oposto. Depois de observacoes e ate vivencia aprendi que quem nao quer a gente e que sai perdendo. A fila nao anda, voa!
PS 2: Fiz ctrl+C ctrl+V e o texto nao quer mudar de cor... vai entender! Sorry pela cor nada a ver!


sexta-feira, 10 de outubro de 2008

Coisas Perdidas em pedacos de papel.

Most of them don't agree with what's going on
between and me,
But I believe on us
I Believe on our love, our strength, our way to carry it on.
Some people prefer fantasizing,
Believe in once upon a time and happily ever after...
I'd rather not to be the hypocrite.
Love has its ups and downs,
you and me had already been there.
They just don't know what they say to me...
That you and me "is not meant to be"
Just let me tell them honey:
I don't give them a shit.
I love you!
Love you more than the greatest love story to be,
Love you more than anything.
Love you more than chocolate, remember?
Love you close, far... love you wherever.
You're my sweet love...
You're the one with the right words,
no matter if good or bad, your best words are always there.
Thank you for being who you are
For letting me be who I am,
And for making me say in the end of the day:
... It's always getting better...
..........................................................................................................................................................................

Ele queria ir. Pediu a ela. Dentro de si ela nao queria permitir, mesmo assim lhe deu o aval. Achava que ele tinha que saber o que era bom e o que era ruim para os dois.
Ate hoje guarda esse momento em sua cabeca. Assim que terminaram a conversa ela se arrpendeu, mas era tarde e seu orgulho a impediu de voltar atras. Decidiu que tambem seguirira seu caminho e embora se divertisse nas festas e distribuisse sorrisos em todas fotos que estava presente, a cada beijo, a cada noite de sexo descompromissado, ela mergulhava em lembrancas deles dois.
Com o passar do tempo essas memorias foram ficando cada vez mais distantes. Tao distantes quanto ele de sua vida. Ate que ele voltou.
Ele nunca disse a ela que a deixaria para sempre. Ela sentiu seu coracao pulsar quando o viu depois de tanto tempo. Mas o pulsar nao era por ele, era o pulsar da felicidade. Felicidade em saber que ele nao representava mais nada em sua vida.
Naquele momento ela enfim descobria que estava livre, que embora tivesse que ter tido algumas noites casuais e trocados beijos descompromissados, ela finalmente se dava conta de que sabia viver sem ele.
Ele esperava e acreditava que ela o receberia de bracos abertos, mas o que encontrou foi apenas um olhar amigo. Tentou reconquista-la fazendo tudo que ela esperava dele quando estavam juntos. Ele nao entendia que era tarde, que nada daquilo a traria de volta. Agora era ele quem pedia pra ela ficar.
Ele nao sbai, mas no momento em que a deixou foi ela ganhou asas. Nao foi facil, mas hoje ela sabe que pode voar ate onde seus sonhos permitirem.

sexta-feira, 3 de outubro de 2008

Essa e muito boa!!!!

Sem comentarios kkk.
Favor ler.

Traducao: Desculpas Formais

Para: De:

Veio a minha atencao que minha acao de dizer coisas sobre voce pode ter sido vista como ofensiva e prejudicial. Eu nunca quis te xingar. Quero que voce entenda que eu estava meramente tentando dizer a verdade, embora agora eu possa ver que pode ter parecido que eu estava extrapolando um pouco. Por favor aceite minha pequena desculpa. Daqui pra frente, eu tentarei manter alguns pensamentos so pra mim. Dito isso, apreciaria muito se voce so tentasse ser mais humilde da proxima vez. Sinceramente, sua amiga ou nao Dressa.
Sinceridade: Meio Tecnica, meio de ma vontade.
Desculpas: Nao sabia que que te incomodava, estava intoxicada (no sentido psicologico e talvez no fisico).
Eu me sinto: melhor agora
Por Favor: Nao tente dar o troco, nao ligue pra policia, nao diga aos meus pais.
Notas adicionais: Esta muito ironico????

Beijoemebipa

E o tempo passou....

Passou. E depois de muito pensar ainda nao consigo dizer se foi rapido, lento ou normal.
Nao importa.
Hoje tive aqueles cinco minutos que temos de vez em quando e comecei a ler meus scraps velhos. Antes eu apagava, mas um mes antes de vir pra ca decidi que queria guardar esse ano (que se transformou em 18 meses devido a minha extensao) de todas formas que pudesse.
Comecei com esse blog, que depois virou um lugar onde me encontro pra escrever de tudo um pouco. Montei o multiply pra guardar minhas fotos e por fim decidi nao apagar os scraps ate o dia que meu programa terminasse.
Devaneios a parte, como disse fui ler meus scraps.
Pude perceber varias coisas. Vi que meus amigos me perguntavam sempre como eu estava logo que vim embora. Hoje recebo um scrap ou outro de alguns. Sem ser minha amiga-irma Karencita o resto foi meio que sumindo do mapa. Sei que a distancia faz essas coisas, mas ai a gente fica triste. Parece que nao fazemos falta, sei la. Talvez eu esteja apenas sentimentalista. Mas me bateu uma tristezinha. Sinto falta da minha cidade, dos meus amigos. Sinto falta das besteiras que faziamos, de como nos divertiamos com tao pouco.
Nao quero nem entrar no topico, quem e amigo e quem nao e. Deixa isso pra la. Nem fiz o post pra isso.
Depois de me dar conta dessa questao de amizade, me dei conta tambem de que em breve tudo isso vai acabar. E por mais que eu conte os dias pra voltar pra casa vou sentir falta de muita coisa.
Posso citar algumas coisas materiais, comestiveis. Mas acho que vou sentir falta dessa vida aqui. Querendo ou nao, por um ano vivo de maneira anestesiada. Tirando o choque de perder minha vozinha e meu tio, o resto do tempo nao tenho muito com que me preocupar.
Minha maior preocupacao aqui foi quando bati o carro, mas minha familia e tao legal e boa pra mim que nem levou muito tempo pra eu me recuperar do susto e da preocupacao com dinheiro. Nao tive que pagar um tostao. Depois disso, so tive que me preocupar com curso.
Nao preciso me preocupar com nada maior.
Pode ser infantilidade, mas na verdade acho que so e medo. A realidade no Brasil e muito dura, mesmo pra pessoas como eu que nunca passaram por uma dificuldade enorme (Gracas a Deus).
Vou sentir faltas das pessoas que conheci aqui. Conheci brasileiros de todo canto.
Gente de Sampa, Rio, Sao Luis, gente do Sergipe, Bahia. E em um pais como nosso, de tanta diversidade, descobri que aqui somos todos iguais.
E como gosto do sotaque la de cima. Oh jeitinho gostoso de falar. Aprendi de uma vez por todas que nos paulistas temos sim sotaque e que ele e bonitinho tambem.
Aprendi de vez como funcionam as eleicoes nesse pais. E que no fundo ela nao e tao democratica quanto parece. Descobri um monte de artista. Visitei lugares diferentes.
Vivenciei os copinhos vermelhos de plastico que sempre vemos nos filmes. Decidi que as baladas brasileiras sao melhores pois vao ate altas horas.
Cheguei a conclusao de que aqui a mulherada e muito hipocrita no geral. E dai que beijamos na pista de danca? Pelo menos nao nos esfregamos por tres horas com mais de 10 caras na pista. Sou mais a gente!
Vou sentir falta dessa diversao toda. Vou sentir falta dos pequeninos que vi nascer. Da pequenina que vi aprender a falar. Dos hosts que conversam comigo sobre tudo.
Vou sentir falta da minha cama daqui, dos outlets, Best Buy, Ebay, das inumeras oportunidades de ir a shows, de dirigir carro automatico (sei que tem no Brasil mas nao e pro meu bico), das series em tempo real, sem ter que esperar infinitos meses pra ver a nova temporada. Falta de ir a NY quando der na telha por ela estar tao pertinho.
Enfim, hoje cheguei a conclusao que vou sentir muita falta de tudo isso aqui.
Enjoy every moment people, life is way too short!

quarta-feira, 24 de setembro de 2008

Emigracao

Nao sei quando aconteceu mas e fato. Todo mundo esta indo morar fora do pais.
Nao sei se percebi porque tive essa vontade ou se essa realidade ja esta rolando ha muito tempo. Posso dizer que dentro do meu circulo de "amizades" isso e novidade.
Nunca tive amigos que iam morar fora, pelo menos na minha adolescencia, ja que nunca fui endinheirada e/ou tive amigos que fossem.
De 2006 pra ca muitas pessoas que conheco colocaram em pratica a vontade/necessidade da vivencia no exterior. Algumas largaram tudo (embora pra elas fossem nada) e outras nao deixaram quase nada (embora pra mim fosse muita coisa).
Cada um veio com um objetivo.
Uns querem ir em busca do novo, mudar de vida, nunca mais voltar para o lugar de onde sairam. Uns juram por A+B que voltam e nunca mais olham para tras; outros prometem que nunca mais voltam e no primeiro sinal de saudade voltam correndo.
Eu vim porque nao aguentava mais meu emprego chato. Nao era ruim. Isso nao posso dizer. Nem parecia banco (rs)!
Tinha nele o que muitos lutam muito pra obter. Mas eu tinha sonhos.
Tinha vontade de acabar a faculdade e trabalhar na minha area. Area de Radio e TV. Mera ilusao...
Comecei a faculdade pensando que ia encontrar milhares de emprego, afinal eu era super antenada, falava ingles. Que mais queriam?
Bom eu nao sei. Porque no comeco tentei, depois ja nao adiantava pq nao tinha experiencia...
Talvez devesse ter me empenhado mais na busca de um estagio?
Bom, vamos analisar:
Me propus a trocar um salario de 700 por um de 200 na epoca. Ligar na casa de uma diretora de video clip depois de cacar seu nome na lista telefonica e mandar curriculos a rodo pra Rede Tv, SBT e Record?
E, sei la acho que tentei sim, mas nao deu.
Apos desistir de veterinaria por falta de grana e fazer RTV na vontade de trabalhar com outra coisa que gostasse e nunca ter conseguido emprego, realmente decidi ir atras de algo que tinha vontade mesmo que custasse meu emprego registrado com todos beneficios.
Mesmo que custasse meu namoro, mesmo que custasse ficar longe de amigos e familia....
Nao surpreendentemente (ok, talvez um pouco) hoje vejo varios amigos fazendo a mesma coisa. Muitos deles, infelizmente, pelo mesmo motivo que eu. Simplesmente se cansaram da mediocridade.
Uns retornaram ao Brasil e pensam em fazer as malas de novo... dessa vez sem volta. Cansaram-se de ralar e nao terem um salario compativel.
Outros estao no meio do processo. Alguns retornaram e por enquanto, apesar de estarem acostumados com alto nivel do mundo chamado Desenvolvido e acharem que no Brasil tudo e uma merda, ainda assim se arrumaram e vao levando.
Outros acabaram de chegar ao novo (ou seria velho) mundo e acham tudo fantastico.
Estou com medo da volta. Muito medo.
Apesar de saber que as pessoas importantes da minha vida estao de bracos abertos me esperando tenho medo da incerteza do mundo la de fora. O mundo dos empregos, o mundo financeiro, o mundo da tecnologia com precos exorbitantes.
Estou com medo de ter vontade de fazer as malas novamente. E dessa vez, mesmo que eu queira nao sera possivel, a nao ser que pague o preco alto de perder meu namorado/futuro marido para sempre.
Precisaria muito pra convence-lo a a largar o que tem la por empregos mais ou menos na hora de comecar do zero. Nao quero e nem acho justo.
Meu unico conforto e que terei dias ocupados com o planejamento do meu casorio, com a procura de apartamentos e tudo mais que quem vai casar tem que se preocupar.
Todo dia faco um esforco enorme pra ser otimista em relacao ao que o Brasil me reserva.
Nao vagabundiei. Nao torrei meu dinheiro em viagens. Estudei, me diverti. Investi em uma camera que talvez me de algum retorno. Vou fazer curso pra dar aula de ingles. Nao porque e meu sonho, mas porque nao quero ficar desempregada. Gosto de dar aula sim, mas nao e meu foco profissional. Alias ele passa bem longe.
Meu negocio e marketing, fotografia, comunicacao. Amo me comunicar. Seja la como for. Fotografia, treinamento, propaganda? Pra mim tudo e valido.
Aos meus amigos emigrantes velhos: Boa sorte no nosso retorno!
Aos novos: Aproveitem cada minuto da experiencia, pois afirmo com a boca cheia que e muito valida. Nao me arrependo de nada que fiz.
Aos que perderam a esperanca no Brasil: Brasileiro nao desite nunca... brincadeira hehe. Que voces tomem a decisao certa. E se lavar prato ou ser baba te da mais grana e deixa mais feliz, entao va ao encontro dessa felicidade. Dane-se a opiniao alheia.
Eu nao conseguiria viver assim, mas dou forca pra quem quer fazer disso um comeco e nao pretende se acomodar.
Emigrantes, imigrantes, migrantes. Tantos sonhos e objetivos diferentes em palavras tao parecidas.

quinta-feira, 11 de setembro de 2008

Foda e ser pobre.

Desde que cheguei nessa terra um dos meus, digamos, objetivos era assistir um show do Justin.
Meio bobo, futil, bla bla bla, eu sei.
Mas alem de acompanhar a carreira dele desde a epoca que ele era apenas o magrelo com cabelinho de miojo o show dele e muito bom.
E o tipo de show que vale a pena investir.
Quando cheguei ele so tinha mais 2 shows pra fazer e depois ia fazer tour na Europa. Nao dava pra eu ir porque eles eram no meio da semana e na California.
Agora ele me decide fazer um unico show em 2008 em Las Vegas.
Estava muito disposta a ir ate fazer as matematicas e perceber que pra ver o show e voltar pra casa vai me custar pelo menos 700 doletas.
Vou gastar isso em uma viagem de uma semana no fim do ano e vejam so, pra Las Vegas, que coisa nao?
Pois e, desisti do JT com muita dor no coracao.
Ser Au Poor e foda!
Buaaaaaaaaaaaaaa.

quarta-feira, 3 de setembro de 2008

Ana (parte final)

Ana nunca se sentira assim. Ficava perguntando a si mesma se nao estava dormindo, se aquilo era real. Nao acreditava nessas historias que lia em livros ou via em filmes.
Embora grande parte de seus encontros ideais estivessem em livros ou em peliculas sabia que essas coisas eram praticamente impossiveis. Que o que estava ali descrito ou interpretado nada mais era que uma vontade como a sua.
Porem naquele momento, naqueles poucos minutos em que conversou com ele sabia que algo soava diferente. Algo estava pra acontecer.
Chegou sorridente ao trabalho, mas contou o motivo de sua alegria somente a sua amiga mais proxima. Nao queria cobrancas alheias caso nao desse certo ou entao inveja em torno de algo que nem havia comecado.
Aquelas foram as horas mais lentas que ela enfrentava ultimamente. Esperava ansiosamente para que o relogio marcasse 18:00. Sabia que a partir daquele momento algo iria acontecer. O horario do almoco passou voando, ou ao menos pareceu. Talvez porque ela estivesse pensando tanto no que deveria fazer. Ligar, nao ligar, esperar alguns dias... Todo tipo de situacao passou em sua cabeca.
Se ligasse talvez parecesse desesperada, se nao ligasse poderia perder quem sabe, o amor de sua vida. Mas e se esperasse alguns dias? Talvez outra garota que espera ha meses pra se declarar soltaria a bomba e revelaria seus sentimentos.
Decidiu que o pior que poderia acontecer era nao dar certo. E como Ana detestava a historia de "e se", "deveria" e suas variantes ligou para ele assim que chegou em casa.
O celular chamou 3 vezes. Ela sempre aguardou apenas ate o quarto toque. Quando estava quase em seu momento de desligar ele atendeu. No quarto toque. So podia ser destino mesmo.
Ana se lembra que eles ficaram duas horas ao telefone. Claro que depois de 15 minutos os dois decidiram trocar a ligacao de/para celular para um telefone fixo. A ultima conta nao havia sido agradavel. Os dois riram por serem tao parecidos em um detalhe desse.
Apos uma semana de longas conversas ao telefone, sms trocados, e-mails, msn e toda parafernalha da era atual da comunicacao, decidiram finalmente se encontrar. Pensaram em que lugares podiam ir. Nao queriam restaurantes com razao. Nada mais revelador sobre modos do que um jantar a dois. Pensaram no classico cinema mas nao poderiam se conectar tao bem e conversar olho no olho. Decidiram por uma caminhada sabado a tarde no parque do Ibirapuera (ate pensaram em alugar as famosas bicicletas, mas o suor e tudo que o acompanha talvez seria meio desmotivador). Marcaram as 15:00 em frente a OCA.
Ana colocou um vestido com cara de verao. Nada que pudesse revelar muito ou cobri-la em exagero, afinal era verao, epoca de mostrar um pouco de pele.
Chegou ao local na hora marcada. Pra ela tudo era muito pratico e atraso significava falta de respeito e nao charme.
Felizmente para ele tambem, pois os dois mesmo sem saber disso chegaram praticamente na mesma hora. Deram aquele oi meio confuso. Um beijo, dois ou tres? Decidiram por dois depois de tanto embaraco.
Ela lembra ate hoje cada detalhe dele naquele dia de temperatura agradavel. Sol morno em suas costas desnudas enquanto caminhavam e conversaram. Apos uma hora caminhando haviam decidido por sentar-se e se impressionaram quando comecaram a avistar alguns lugares ideais (entenda-se calmo e com sombra) tao disponiveis. Foi quando perceberam que muitas pessoas seguiam para uma mesma direcao. Algumas seguravam fitas nas maos, viram algumas meninas pre-adolescentes com o rosto pintado de boneca. Familias inteiras. Todos indo para o mesmo lugar.
Nao contiveram sua curiosidade e foram andando, andando quando de repente comecaram a ouvir musica. Acharam bacana a ideia de assistir a um show. E quando estavam mais proximos reconheceram um trecho de musica...
"...tua ausencia fazendo silencio em todo lugar
Metade de mim agora e assim de um lado a poesia, o verbo, saudade
do outro a luta, forca e coragem pra chegar no fim..."
Ele a olhou e quando ia dizer que conhecia a banda se apresentando ela ja cantava que o fim era belo e incerto e que so dependia de como voce visse. Ali, naquele singelo momento em que curtiam juntos musicas do Teatro Magico ele sabia que tinha achado alguem especial. Nunca tinha visto uma garota fazer de um momento tao simples algo tao especial, e sob a trilha de Ana e o mar ao fundo os dois compartilharam seu primeiro beijo.
Primeiro beijo de tantos que seriam apreciados, primeiro show de tantos que iriam juntos e o primeiro por-de-sol de tantos outros que ainda estavam para surgir.

O final desse relacionamento, ou dessa historia esta dentro do coracao de quem le. Vai depender da sua fe no amor, de sua visao sobre coisas impossiveis ou improvaveis. O que quero dizer, e que nos escolhemos que tipo de amor, relacionamento ou encontros ideais iremos ter ao longo da vida. Cabe a nos a busca pela felicidade - que nunca e plena - e tentar vive-la ao maximo ou nao.

PS:
Trilha sonora:
Ana e o Mar
O Anjo mais Velho
Para saber mais sobre esse grupo maravilhoso acesse o site deles.
(Sim, faco propaganda mesmo porque tudo que e bom merece ser divulgado!)

domingo, 31 de agosto de 2008

Ana

Quando ela saiu de casa aquela manha, tinha o animo de sempre.
Era cedo. Se preparava para mais um onibus lotado. Estava cansada. Nao havia dormido muito na noite anterior.
O dia mal havia comecado e ela ja estava de mal humor. Apos 15 minutos de espera viu seu onibus se aproximar. Respirou fundo pra batalha que iria comecar...
Deu sinal, e quando viu o onibus estava vazio. Ficou feliz e sentou-se. Reparou em um rapaz que sentava proximo. Se arrependeu de estar tao "largada".
Tirou seu livro da bolsa e comecou a ler. Seu bom humor comecava a aparecer. Cada vez que lia aquele livro sonhava e imaginava se um dia poderia viver aquelas cenas tao bem escritas, ricas em detalhes. Ela conseguia montar um filme em sua cabeca perfeitamente.
Levantou a cabeca e percebeu que estava proximo de seu ponto. Colocou o livro na bolsa e deu sinal para descer. Sentiu um cheiro bom atras de si mas nao olhou.
Quando desceu o ultimo degrau e seguia em direcao ao metro, sentiu o cheiro bom novamente e ao mesmo tempo alguem tocando suas costas.
Virou-se e surpresa reconheceu o rapaz que ela tinha olhado no onibus. Pensou que alem de bonito, ele era cheiroso.
Em segundos, talvez ate milesimos de segundos, pode perceber como seus olhos castanho-claros brilhavam, como o formato quadrado de seu rosto caia perfeitamente bem com seu sorriso. Como seu cabelo era brilhoso e macio mesmo sendo tao curto. Voltou a si quando ouviu a voz grave.
"Oi tudo bem? Desculpe interromper mas precisava falar com voce."
Assustada ela olhou e perguntou se o conhecia. Ele novamente se desculpou e lhe disse que nao.
"Ha um mes vejo voce subir todos os dias nesse onibus, mas e sempre tao cheio que nunca consegui falar com voce. Alem disso sempre pensava no que iria lhe dizer, mas hoje tudo foi diferente. O onibus estava vazio e finalmente voce olhou pra mim. Entao estou aqui. Sei que tudo parece maluquice...
Ela nao sabia o que fazer e continuava andando e ouvindo.
... e sei que voce deve pensar que sou algum tipo de maluco, mas nao sou. So queria aproveitar essa oportunidade. Sei que voce esta ocupada, e eu tambem estou. Nem era pra eu descer nesse ponto...
Ela esbocou seu primeiro sorriso.
... mas olha so. Aqui esta meu telefone. E a partir de agora esta em suas maos no que essa manha vai se transformar. Tenho que ir. A proposito, qual seu nome?
Ana ela respondeu.
"Ana... Ana e o mar..."
Ela deu um sorriso enorme. Ele tambem gostava de Teatro Magico. Quando ia responder ele virou.
"Bom, Ana, tenho que ir, la vem meu onibus. Me liga!"
Ana nunca se sentiu tao feliz em uma segunda-feira. Continuou seu caminho para o trabalho e assim que passou a catraca do metro comecou ouvir Teatro Magico em seu MP3 player.
Continua...

quarta-feira, 27 de agosto de 2008

Pra quem nao conhece ainda...

Como tem mais gente visitando minha casinha virtual ultimamente, nada mais justo que colocar as fotos dos meu fofuxinhos!!!!
Amo essas criancas e toda vez que eu e minha host family conversamos da minha partida tenho vontade de chorar.
Ja chorei quando fui passar 12 dias no Brasil. Imagina quando for "pra sempre".
Convidados para meu casorio eles ja estao, mas vai saber se irao e se meus macaquinhos vao junto. Espero que sim!!!
Ela me da trabalho sim, mas me da muito mais sorrisos e cada beijo supera o que ela apronta.
E facil dar mamadeira pra dois ao mesmo tempo? Nao se desesperar quando os dois choram ao mesmo tempo? Perder o medo de carregar os dois ao mesmo tempo?
Nao!!! Mas cada sorriso que eles me dao, nossa, supera e muito tudo que falei.
Diz ai.
Sao lindos ou nao sao?
Eles estao meio tortinhos na foto, mas e pq eles ja iam chorar. Tive q voar haha.





PS: Todo dia olho um monte pro cabelo dela pra quem sabe minha filha venha ao mundo com a mesma cor haha...
Claro que eu viraria assunto de estudos geneticos, porque com meus Aa + aa e sem nenhum rastro de RR (rs), so com maluquice genetica mesmo!

terça-feira, 26 de agosto de 2008

Tempo!

Como e bom quando o tempo cumpre seu papel e cura as feridas que antes ardiam.
Sempre soube que eu ia ficar bem, feliz e sem preocupacoes. So precisava de tempo mesmo.
Estou feliz, de bem com a vida, cheia de planos.
E tao bom se sentir assim.
Coisinhas pequenas se tornam conquistas enormes ou motivo de um sorriso no rosto.
Hoje, por exemplo, fui malhar e sai de la me sentindo super bem pelo esforco do dia. Fiz uma aula de step e depois ainda corri 1 Km!
Isso mesmo, UM KILOMETRO. Me superei!
Sempre tive vontade de correr mas era daquelas que falam que nao conseguem, que nao tem folego, isso e aquilo. Mas hoje tava no pique e fiquei correndo na pista da Y. Claro q nao sou maratonista e nao coloquei muita velocidade, foi mais um jogging, mas isso foi suficiente pra eu sair de lar sorrindo por dentro.
Estou feliz, apaixonada! Meus bebes (que cuido claro) estao cada dia mais lindos e fofos. Ficam sorrindo e respondendo a estimulos. Como e gostoso ver cada passinho novo que eles dao.
Modestia parte, sei que serei uma super mae quando tiver meus filhotinhos.
Parte do meu ano novo ja esta planejado e resolvido, e ainda estamos em agosto.
Tenho fe de que vai passar rapido e quando menos esperar estou de volta nos bracos do meu amor e correndo atras da nossa casinha, da nossa festa...
Nao vejo a hora de juntar nossas escovinhas e o que me deixa mais feliz e saber que ele tambem conta os dias pra esse momento.
Enquanto isso aproveito e aprendo muito com essa oportunidade que Deus me deu. Como diz Faustao, "hoje, mais do que nunca" estou pronta para o que der e vier!
Parece que finalmente, depois de um periodo turbulento, com nuvens negras, inveja alheia e etc finalmente o sol voltou a brilhar.
Mas a vida e assim mesmo. Engana-se quem acha que a vida nao tem problemas. Os problemas sao apenas ingredientes pra nos fortalecer e nos tornar seres humanos cada vez melhores.
Aguilera nao poderia traduzir melhor em palavras:

"After all you put me through
You'd think I despise you
But in the end, I wanna thank you
'Cause you make me that much stronger
...Cause if it wasn't for all that you tried to do
I wouldn't know just how capable I am to pull through
So I wanna say thank you
'Cause it makes me that much stronger
Makes me work a little bit harder
It makes me that much wiser
So thanks for making me a fighter
Made me learn a little bit faster
Made my skin a little bit thicker
Makes me that much smarter
So thanks for making me a fighter
'Cause if it wasn't for all of your torture
I wouldn't know how to be this way now
And never back down
So I wanna say thank you..."

No fim, so tenho que agradecer cada problema que enfrentei. Todos com certeza me transformaram em uma lutadora! E vamos que vamos que amanha ja e quarta!

PS: Eh, estou positiva mesmo ultimamente! ;)
E pra quem esta com algum problema que a musica sirva de inspiracao.

quinta-feira, 21 de agosto de 2008

Atualizar de vez em quando e bom...

Nossa gente tava cheio de poeira isso aqui. Ai ja que e pra arrumar, arrumemos com estilo. Dei uma mudada no visual.
Cansei daquele padrao que ja vinha com o blogger hehe.
Anyway.
Muitas semanas se passaram e muitas coisas aconteceram, mas contemos so as boas. Noticia triste e ruim a gente supera e tira sempre o lado positivo!
Primeiro estou muito feliz que os ataques infelizes aqui acabaram mesmo. Espero que nao tenha sido a falta de posts hehe.
Bom nessas semanas todas fui no festival, no show do Maroon 5 e no Dorney Park.
O festival foi a coisa mais tudo de bom que ja fui aqui. Desde que virei fa do Gavin Degraw contava os dias para o show chegar e mantinha minha promessade que tiraria uma foto com ele custasse o que fosse custar. Ele e lindo, o show maravilhoso e sai de la mais fa que ja era. Choveu, me molhei ate, meus cachos lindos foram pro beleleu, o seguranca ficou bravo comigo, mas consegui minha foto. Ele e um fofo. Foram duas tentativas de foto:
1. Show acaba, eu e Dea vamos pro lado do palco, vemos um monte de menina e a esperanca de tirar foto diminui. Espera, espera. O evento recebe um aviso de chuva com relampagos e os segurancas comecam a evacuar a area. Gavin sai andando e eu com uma camiseta do Brasil comeco a gritar (I'm from Brazil, I'm from Brazil), ele olha com uma cara de que quer tirar a foto mas nao ta afim de desrespeitar o seguranca. Mesmo com meu please, o seguranca nao deixa.
2. Estava voltando do "abrigo" com Dea para ver o show do Lifehouse. Ja tinha perdido a esperanca de tirar a foto quando de repente olho com tristeza para o local onde quase consegui a aproximacao e quem vejo??? Ele, sozinho de papo com mais 2 segurancas. O evento se repete e volto a abanar a camisa do Brasa. Ele olha. Percebi que reconheceu. O seguranca ja vindo na minha direcao haha. E ai vem o golpe do principe. Ele diz: It's ok man, it's ok! Meu coracao quase sai pela boca e vou toda nervosa perto dele tirar a foto. Eu ja ia ficar ali, so do ladinho quando ele diz pra gente: Come here, put your arms around me. Jeeeeeeesuisssssssss, que e isso. Alem de lindo e com uma voz linda, ainda e simpatico. Soltei algumas palavras do tipo, muita sorte na sua carreira e demos tchau. A foto nao e a melhor, mas nossa foi um momento muito bom.


Depois disso comecou o show do Lifehouse. Os caras mandam muito bem. Me surpreendi muitoooo. Achava que seria um show mais ou menos, mas foi muito bom. O Gavin ainda fez uma participacao na musica "You and Me", mas mesmo gostando muito dele, admito que nao curti muito nao haha. Sei la, ficou meio estranha a voz dele.



A noite foi a Carrie quem mandou bala no palco. Nao curto muito country, mas ela e minha excecao. A guria canta demais e sua vitoria no american idol foi mais que merecida. Foi so um empurrao pro sucesso que ela e hoje. Pausa para emocao quando ela cantou "Don't forget to remember me". Me faz lembrar tudo que ficou no Brasil. Quando estiverem com um tempinho leiam a letra.

O festival foi muito bom mesmo. Adorei!

Na semana seguinte foi a vez do Maroon 5.


Quem abriu foi a Sara Bareilles. Linda, talentosa e um doce. Merecia uma abertura de uma hora. Fiquei sabendo porem, que a partir de setembro ela comeca tour sozinha. Nada mais justo. Ja provou que tem publico so pra ela. Adoro o cd e fiquei triste por ela nao ter cantado Vegas (nao e ela no video, mas vale pra conhecer outra musica sem ser Love Song ou Bottle it Up) mas feliz pela versao maravilhosa de Black Bird (pra quem nao conhece e uma musica dos Beatles) que ela fez.


Depois do tchau dela, Counting Crows entrou no palco. Foi um show bem mais ou menos. Me desculpem os que gostam, mas ele acaba com as proprias musicas ao vivo. Puxa eles tem varias musiquinhas bacanas, mas ao vivo... nah... nao curti nao. Nem Mr. Jones que e classico arrepiou.


Mas e dai? Fui la pela Sara e pelo Maroon 5 e quando eles entraram me provaram que valeu muito a pena meu gasto. Eles sao muito bons. O show deles tem uma vibe muito boa. Voce danca nas agitadas, levanta as maos e nas lentinhas viaja. Ele parece um Don Juan gente. Muito sedutor. Melhor momento no segmento romantico foi o Medley "Wicked Games/She will be loved" (video feito por mim. Nao ta tao perto mas vale o audio que ficou muito bom, tirando quando minha voz aparece haha).
E como sou meio doida em show, uma hora dei baile no seguranca que cuida dos setores e fui la na frente pra tirar foto haha. A-d-o-r-o-o-o-o-o-o.


Semana passada foi a vez do Dorney Park. Como o post ja ta gigante, poucas palavras: muito bom, voodoo e a melhor montanha russa que ja andei.
E um obrigada especial pra Dea que sempre me acompanha nos eventos e loucuras.
Thanks Deaaaaaaaa. Adoro tudo! Ate nossos programinhas do tipo " vou-fazer-extra-quer-vir-pra ca?" haha.


Agora e momento de economia porque meu ano novo sera muito especial. Como tem muito olho gordo pelo mundo quando estiver tudo certo eu conto!
Beijos a todossssssss.

PS: Quando mudei meu template perdi todos links. Se tiver alguem faltando favor avisar!

quinta-feira, 31 de julho de 2008

Que venha o fim de semana!

Ai gente que semana foi essa????
Trabalhei um monte e me prometi todo santo dia que iria dormir cedo depois da exaustao, mas nunca consigo pois quero falar com meu lindo.
Mas as aulas da facul dele vao recomecar (:( ... tem que aproveitar agora entao) e ai nao vou ficar ate tao tarde e tomo vergonha na cara de vez pra poder me aperfeicoar no Corel e no Photoshop.
Agora mudando de assunto bruscamente, ha um tempo atras, tinha comentado que havia batido o carro aqui de casa e fikei uma pilha de nervos so.
Para meu alivio e sorte minha familia nao vai me cobrar nada, nem aqueles US$250 que somos obrigadas a pagar. Achei muito legal da parte deles e apreciei muito a atitude porque tenho ajudado pra caramba com os bebes. Nunca fiz pensando em ter algo em troca, mas reconheco que fiquei muito feliz com isso.
Fiz minha matricula na YMCA semana passada e espero comecar segunda. Agora meu schedule noturno ta organizado e minha host me deu autorizacao pra ir tambem enquanto eles tiram nap ja que ela esta em casa. Achei otimo!
Sabado e dia de Toms River Festival e to super empolgada. Vai ser muito bacana passar praticamente um dia todo no meio de musica. Nao vejo a hora de ver Gavin tocando suas composicoes mais lindas. So fiquei triste porque descobri que o show dele so vai ter uma hora :(... mas paciencia, um dia darao mais valor pra ele hehe.
Viva Tio Sam que me apresentou varios artistas legais como ele nesse meu ano aqui. Tenho certeza que muitos nao irao ao Brasil tao cedo.
Falando nisso, meu DS novo chegou e agora so estou esperando meu chequinho pra depositar.
Amanha e sexta, thank God!!!
Bom fim de semana pra todos que passam por aqui.
Obrigada pela audiencia (embora nao de pra controlar a qualidade dos leitores)!!!!!
Viva a liberdade de expressao nao e mesmo???
Domingo se der, ponho meu review do festival e fotinhos. ;)

domingo, 27 de julho de 2008

Review Show Coldplay

A temporada de shows comecou nos Estados Unidos e como amo musica nao poderia deixar de ir em alguns shows.
Apos saber que Coldplay tocaria na Philadelphia fiquei toda animada mas em duvida devido a questoes financeiras.
Ja havia gastado US$200 no show da Madge (Madonna para os nao intimos, rs), US$80 no do Maroon 5 + Counting Crows + Sara Bareilles. Quase US$100 no Toms River Festival, enfim, estava no meu limite de shows (e gastos tambem, diga-se de passagem)!
Mas algo me dizia pra ir ao show. Nao sou a fa numero 1 da banda mas gosto muito do trabalho deles.
Decidi dar uma olhada nos precos e me desanimei um pouco pois o mais barato era em um lugar bem ruinzinho. Pensei: Deixa estar... economizo uma grana.
Mas teimosa que sou fui cacar o setlist da turne 2008. Foi o divisor de aguas da historia.
Um setlist maravilhoso, com todas musicas que gostava. Comprei o ingresso dois dias antes e fui. Decidi pelo preco meio termo para nao ficar tao triste.
Tickets na mao, pego a caranga com destino a Philly, paro no posto pra abastecer e la se vao mais US$ 35.
Ninguem quis ir comigo ao show entao nada de rachar gasolina com alguem.
Apos um transito infernal cheguei ao Wachovia Center e la se foram mais US$11 de estacionamento. Mas e dai gente? O que importa e que eu iria ver Chris Martin e cia tocando.
Fui ao banheiro, procurei meu lugar, e quando a moca apontou minha cadeira quase tive um treco... Eu estava muito, muito perto do palco.
Poderia nao ver o telao mas pra que telao quando eles estavam tao proximos?
O show lotou. Os ingressos esgotaram e eu tive a sorte de estar la pra acrescentar esse show na minha lista de melhores shows que uma pessoa pode ir.
Para uns vai soar como exagero, mas para mim, fa de U2 e aspirante a ganhar dancinha com Bono Vox, Chris Martin nao deixou nem um pouco a desejar.
Foi simpatico com a galera, fez piadinha em alguns momentos, fez trecho de musica citando Philadelphia, e para matar a galera do coracao se enfiou no meio do povao la no fundao com o resto da banda e tocaram "In my Place" graciosamente. Fizeram dois Encores (para os leigos, e quando a banda retorna ao palco). Um mais digno que outro.
Inclusive, quase perdi o segundo porque nao achei que ia acontecer e ja fui picando a mula pra ir ao banheiro.
Quando termino meu pipi e estou pra lavar a mao, escuto a galera gritar. Lavo a mao e saio correndo, e la estavam eles pra cantar "Green Eyes" e uma outra musica nova que nao conhecia. Desci as escadas e fiquei coladinha ao palco. Foi perfeito!
Nao conhecia quase as musicas do novo cd "Viva La Vida", mas isso nao me deixou desanimada. Posso dizer ainda, que me deixou com mais vontade de ouvir o cd com cuidado.
Momentos de arrepiar pelinhos do corpo todo foram muitos, mas nenhum ficara tao vivo em minha mente quanto quando ele cantou "Fix You". Talvez porque essa seja uma de minhas favoritas, mas ver todo mundo cantando junto foi lindo demais.
Valeu cada milha, cada galao, cada centavo e cada segundo da minha vida. Nunca mais deixo de ir em show do Coldplay!
So faltou meu lindo pra ficar tudo perfeito!!!
Te amo amor! Mais que chocolate e Chris Martin cantando Fix you ou The Scientist so pra mim!

PS: Sabado que vem e dia de Toms River Festival. Gavin Degraw que aguarde eu e Dea!!!!

Abaixo algumas fotinhos e o video de Fix You, vejam o que publiquei no you tube (http://www.youtube.com/watch?v=BZ3L6GCHG-s) porque aqui demorou muito pra carregar e me irritei haha.





terça-feira, 22 de julho de 2008

Qual sera que foi o motivo?

Mariana e Fernandinho se conheceram em um show. Ela estava substituindo uma amiga que tinha ficado doente e implorou pra ela curtir muito ja que nao poderia.
Foi mais pela amiga do que pela vontade, mas se animou depois de descobrir que se nao fosse ficaria em casa deitada no sofa assistindo Zorra Total. Achou que isso era fim de carreira e colocou seu melhor sorriso no rosto e saiu de casa.
Fernandinho estava com sua namorada Mariane no dia, mas por alguma razao Mariana e ele nao conseguiam parar de trocar olhares. Mariane, claro, nao percebeu nada afinal sua banda favorita estava no palco dando seu melhor.
O show teve um intervalo e Mariane decidiu ir ao banheiro (pessima ideia) e pediu pra Fernandinho nao se mover pois nao queria perder seu lugar. Mariana conversava animadamente com um grupinho ao seu lado quando sentiu alguem dando um tapinha amigavel em suas costas.
Virou-se e la estava Fernandinho, pronto para entregar seu numero de telefone.
Mariana nem conseguiu mais aproveitar o show direito. Ficou pensando que loucura toda era aquela que estava acontecendo.
Chegou em casa e a primeira coisa que pensou foi em jogar o papel no lixo. Pensou, pensou e jogou. Um minuto depois voltou e o pegou de volta.
No dia seguinte ligou para sua amiga contando a historia. A amiga nao sabia nem o que dizer da historia, mas seu conselho foi direto e claro:
"Ih amiga, esquece que e furada! Voce e linda e ta cheio de caras solteiros por ai."
Mariana prontamente concordou e decidiu que tiraria aqueles pensamentos de sua cabeca linda e inteligente.
Teve um dia corrido na segunda, uma noite agitada na terca e quando foi perceber ja era Quarta-Feira a tarde. Chegou da academia e tomou um banho maravilhoso. Deitou em sua cama e quando foi pegar seu livro de cabeceira, seu amigo "papelzinho" deu as caras.
Pensou novamente no assunto e decidiu ligar. Pensou que nem era pra estar no show aquele dia e que isso so poderia ser destino, aviso e todas essas coisas esotericas que existem por ai.
Ligou e sentiu seu coracao pulsar ao ouvir a voz encatadora de Fernandinho.
Os dois marcaram um encontro e deram entao inicio ao famoso "affair" que ja ouvimos tanto falar. No inicio se encontravam uma vez por semana, depois duas porque descobriram que trabalhavam em locais proximos.
A frequencia foi aumentando e em certo momento se encontravam 3 vezes por semana no horario de almoco (apenas pra conversarem) e 2 vezes por semana para... bom voces sabem, afinal isso e um affair.
Mariane (ainda lembram dela?) nunca percebeu nada porque para a felicidade de Fernandinho elas tinham praticamente o mesmo nome e ambas atendiam por Mari.
Mariana, comecou a conhecer a vida de Fernandinho e comecou a ficar dificil nao se apaixonar, mas como toda amante que se preze nunca pensou em pedir pra ele larga-la ou sequer mencionou qualquer coisa negativa a respeito de Mariane.
Sua amiga continuava dizendo: "Ai ai ai. Isso ai nao vai dar certo, mas se voce insiste so me resta lhe desejar boa sorte".
Ela tentava lutar contra o sentimento, sabia que estava errada. Prometia todas noites a si mesma que no almoco seguinte colocaria um ponto final, mas Fernandinho sempre se mostrava interessante.
Ele era um cara de garra que lutava pelo que queria. Nunca teve nada facil e suas historias sempre a surpreendiam. Alem de tudo isso, era lindo e os dois tinham uma quimica incrivel na cama. Pra ela isso superava qualquer defeito, afinal, seus ultimos "romances" nao estavam sendo la "calientes".
Um dia Mariane foi viajar e Fernandinho achou que era a hora de mostrar a Mariana um pouco mais de si. Sabia que sua casa era simples, mas que la ela poderia ver varias coisas e objetos que contavam um pouco mais sobre ele.
Fernandinho talvez estivesse ate considerando terminar com Mariane, ja que tudo com Mariana estava indo tao bem.
Mariana era super cabeca e nunca se importou por ele nao ser dono de um poco de petroleo. Quando chegou nem achou tao ruim assim. Esperava por coisa bem pior! Estavam passando pela garagem quando Mariana tropecou em uma barra de ferro. Fernando mirou a barra e comecou a rir.
Mariana obviamente quis saber se ele ria porque ela tinha quase caido. Ele disse que nao e decidiu contar a historia da tal barra de ferro.
Mariana lembra de suas palavras ate hoje.
"Sabe essa barra? Uma vez eu e Mari estavamos aqui e passou um filhote de rato. Ela nao pensou duas vezes e o matou com um golpe certo e ESMAGADOR na cabeca!"
Depois daquele dia Mariana nunca mais ligou pra Fernandinho e ate hoje ele se pergunta se ela ficou com medo do rato ou da reacao que Mariane teria se um dia descobrisse o "affair" deles afinal precisa ser muito mulher pra matar um rato com um golpe desses.
Talvez tenha sido pelos dois. Talvez tenha sido para o bem deles. Depois de tanta sacanagem Fernandinho so conseguia pensar que so uma namorada como a sua nunca o deixaria nos momentos de dificuldade e que nao merecia nada do que ele tinha feito.
Mariana? Bem, Mariana decidiu ouvir o conselho de sua amiga e decidiu que agora so se aventura com os solteiros. Nao quer tomar paulada, cadeirada e derivados das namoradas que existem por ai e nunca teria coragem de matar uma barata, quanto mais um rato?!
:)

segunda-feira, 21 de julho de 2008

Ferias??????

Bom semana passada tive o prazer de conhecer mais um lugar aqui.
Viajei com minha familia para Carolina do Sul, pra uma ilha chamada Hilton Head. Se pertence a familia Hilton eu nao sei. Ficamos no hotel Hilton mas tinham muitos outros.
O lugar e lindo. O resort maravilhoso. Perfeitinho pra uma viagem a dois. Imagina como nao me senti so ao caminhar na praia no fim do dia e ver um casal no super clima de romance?
Mas acontece ne?
Caminhadas a parte, o que era pra ser uma semana de trabalho leve (segundo informacoes da chefe hehe :) ) foi uma semana de trabalho intenso. De 3 pares de bikini que levei, so usei um e por duas horas no maximo.
Nao pude aproveitar quase nada, porem nao reclamo. Ganhei muito extra e pelo menos mudei de ares.
Gostaria de voltar la a passeio mesmo, mas so em sonho... nada pro bico de au pair haha. O lugar e chiquerrimo, os restaurantes sao caros, enfim, coisa de ir com a familia mesmo.
Bom, fomos de carro... Sao praticamente 11 horas. Imaginem a situacao. Os gemeos, eu e Sophia. Eles foram uns doces. Os pobrezinhos so choravam pra comer mesmo, ja a Sophia... bom nao posso dizer o mesmo.
Passei bons momentos de stress tomando tapa dela.
Nao sei mais o que fazer porque mesmo eu ficando brava e eles dando bronca nela, nao adianta, minha peste favorita continua com graca.
Hoje porem, ela quase enfiou o dedo no meu olho! Imagina o reflexo de Jyraia (e assim que escreve? preguica de googar). Falei super grossa e perto dela. Foi a primeira vez que ela sentiu medo de mim.
Fiquei ate sem graca na hora, porque os pais tavam perto, mas eles nao deram um pio. Ja devem ter sacado o quanto isso esta comecando a me irritar. Tambem ganhei aval pra por em time-out. Espero que funcione (ela so tem 2 anos), senao vou precisar ser mais energica com ela como fui hoje de manha.
Sexta agora tem showzinho do Coldplay! Eba!!!!!!!!!!
Nao comprei ainda na esperanca de pegar um bom lugar por um preco aceitavel nesses sites "stubhub" da vida. No oficial so tem lugar ruim pra cacete, entao meu host disse pra esperar e ficar de olho nesses sites ja que pior nao pode ficar.
Vendo apenas as costas de Chris Martin ou nao, decidi ir. Nao vejo a hora de cantar os classicos e os novos hits de uma de minhas bandas favoritas!
Como queria ter dinheiro!
Muitos concerts excelentes acontecendo ao mesmo tempo. Ainda tem Couting Crows + Maroon 5 + Sarah Bareilles dia 09/08, Madonna em novembro, e na caca de Chris Daughtry e Gavin Degraw. Aiiiii queria ir em varios.
Pras meninas que nao vieram ainda, facam uma poupanca porque aqui os artistas todos fazem tour no verao entao e um show atras do outro e se voce nao tiver uma graninha guardada fica que nem eu, fazendo uni-duni-te.
Bom, e isso!!!
Beijos a todos!

PS: Parabens as aniversariantes cancerianas blogueiras!!

terça-feira, 8 de julho de 2008

Novo Voo.

La estava ela, criando seu mundo de faz-de-conta.
Fingindo que amava, que era feliz e que nao se importava com o passado. Insistia em dizer que estava bem.
Posava com ele ao seu lado o tempo todo. Fazia declaracoes de amor, nao se importava com PDA (demonstracoes publicas de afeto). Queria que o mundo soubesse o que sentia.
Tudo nao passava de disfarce.
Talvez ela ate pudesse gostar de alguem, mas era demais dizer que era amor.
Nao queria mostrar a dor da perda. Ela queria ser feliz. Queria esquecer, mesmo que esquecer significasse enganar a si mesma.
Suas asas pediam para levantar voo mas seu coracao nao permitia. Fez forca e com suas pequenas e frageis asas posou em outro jardim.
Um jardim em que nao precisava disputar flores com a antiga borboleta que ali ja morava faz tempo.
Tinha acabado de sair do casulo. Nao entendia como as coisas funcionavam. Acabou sendo repelida por uma flor por se sentir tao abelha-rainha.
Depois de algum tempo foi obrigada a perceber que rosas sao belas mas que tem espinhos.
Acho porem, que ainda nao decidiu se e valido posar em suas petalas. Talvez porque nao saiba a beleza e ternura que envolvem o sacrifio.
De vez em quando, por mais que se esforce e lute, nao resiste e vem espionar a flor que lhe repeliu e a outra borboleta. Talvez na esperanca de ver a flor destruida ou para dizer a si mesma que esta melhor no outro jardim. A outras borboleta entende. Acha graca quando ela quer mostrar suas asas coloridas. Tao coloridas quanto as suas. Talvez ela se sinta especial.
Talvez ate realmente seja. So precisa aprender que nao e melhor que as outras.
Continua em seu novo jardim e a antiga borboleta sabe e espera que um dia ela aprenda que o Sol embeleza o jardim mas tambem precisa da chuva para sobreviver.